/Estudo Indutivo da Bíblia

Estudo Indutivo da Bíblia

A Bíblia é o livro mais vendido de todos os tempos e também o mais lido. Que o estudo das Sagradas Escrituras é benéfico para todo homem é inegável, apesar da oposição, das interpretações equivocadas e dos falsos testemunhos dados hoje em dia.

Dentre os benefícios do estudo da Bíblia podemos destacar alguns:

  • Corrige nossas más condutas, nossos maus hábitos – 2 Timóteo 3.16-17;
  • Nos capacita para toda boa obra – 2 Timóteo 3.16-17;
  • Nos afasta do pecado – Salmos 119.11;
  • É uma arma contra os poderes das trevas – Efésios 6.17;
  • Nos ensina o Caminho para a vida eterna – João 5.39;
  • Nos revela quem é Jesus – João 5.39;
  • Nos santifica – João 17.17.
  • Nos conduz a verdade – João 17.17.

Mas você pode se perguntar, se o estudo da Bíblia traz todos estes benefícios e se a Bíblia é o livro mais vendido e mais lido no mundo, porque o mundo vai de mal a pior? E porque o testemunho dos que se dizem cristãos é tão contraditório?

A resposta para estas perguntas nós encontramos no resultado de algumas pesquisas realizadas há algum tempo atrás, acompanhe:

Portanto, poucos são os que leem regularmente a Bíblia e muito menos são os que estudam a Bíblia.

A Bíblia é um livro que merece uma atenção mais especial do que a simples leitura, a Bíblia precisa ser estudada, se quisermos realmente entender o seu significado e relevância para nossas vidas. Em termos religiosos, se quisermos ser transformados, precisamos nos aprofundar no estudo das Escrituras.

Existem alguns métodos de Estudo da Bíblia, mas gostaria de lhe apresentar o método de Estudo Indutivo da Bíblia, e por que utilizar este método? Porquê …

Os demais métodos não nos ensinam a estudar a Bíblia de maneira que desenvolvamos intimidade com Deus.

Se quisermos desenvolver intimidade com Deus, ouvir a voz de Deus, o método indutivo é a escolha certa.
E como funciona o método de Estudo Indutivo da Bíblia?

Este método consiste em deixar o texto dizer o que Deus está falando. O Estudo Bíblico indutivo começa com a Bíblia e revela o que ela tem para dizer por si mesma.

Quem está interpretando o texto não é a igreja, não é o irmão na fé,  e não é o pastor. Mas a própria Bíblia, ou se preferir, o próprio Deus que inspirou as Escrituras, é que nos está revelando o seu significado.

O método indutivo, é o que torna o estudo da Bíblia mais relevante, pessoal e transformador.

Para colocarmos em prática este método precisamos de três verbos para nos auxiliar no estudo: Observar, Interpretar e Aplicar.

Mas antes UM AVISO.

Todo estudo da Bíblia deve ser conduzido através de nossa atitude correta diante da revelação de Deus, a Bíblia é um livro, mas é um livro sobrenatural! É a Palavra do Deus vivo! Portanto todo estudo requer que nós nos preparemos para ele, recomendo portanto que leia este artigo: 6 atitudes que precisamos ter ao estudar a Bíblia – antes de prosseguir, não se trata de ritualismo ou misticismo, mas sim reverência e temor, que são os princípios básicos para todo aprendizado.

Portanto precisamos, observar com exatidão o conteúdo do parágrafo interpretá-lo de modo apropriado e aplicar de uma forma prática aos fatos da vida.

I. Observar

  • Leia o texto no mínimo 3 vezes (leia se possível em versões diferentes da Bíblia, este aplicativo tem várias versões em único lugar);
  • Anotar as primeiras impressões da leitura (palavras repetidas, palavras difíceis, mudança ou contraste na narrativa, quebra de padrões);
  • Interrogar o texto: Quem? O Que? Onde? Quando? Por quê?

II. Interpretar

  • Interprete literalmente (sempre que possível com exceção de livros proféticos como: Daniel e Apocalipse e livros de sabedoria como: Jó, Salmos, Cânticos e Eclesiastes);
  • Estude o contexto da passagem (qual a época, local e público alvo para quem o texto é dirigido, leia os versos anteriores ou posteriores ao escolhido);
  • Deixe as Escrituras interpretarem as Escrituras (Bíblias com referencias cruzadas são de grande auxilio para indicarem onde uma passagem é utilizada em outra parte da Bíblia e em qual contexto);

III. Aplicar

  • Quais são os exemplos a seguir?
  • Quais são os pecados para renunciar?
  • Quais erros para evitar?
  • Quais promessas para crer?
  • Quais mandamentos para obedecer?
  • Quais ações para tomar?
  • Dependencia do auxilio divino – oração para que Deus nos transforme e nos fortaleça para aplicar Sua Palavra em nossa vida.

Além de ser um método de estudo transformador, o método indutivo é a base para a pregação Bíblica. Todo pregador Bíblico precisa passar por esta etapa antes de proclamar os mistérios de Deus para os seus ouvintes.

Nos próximos artigos estaremos realizando estudos indutivos dos textos Bíblicos, não deixe de acompanhar.

Este artigo foi útil?

Pregador e instrutor bíblico, historiador e editor do site http://pregandoapalavra.com.br